29 de maio de 2007

MOURÃO QUE NÃO CAI - 04/05/2007

Mourão que não cai  04|05|2007
D. Germano para Rai...

Sou fogo, sou Rai, pedreira, trovão
mourão que não cai
Malandro é que vai de cara no chão
se eu gingo pra cá e giro pra lá,
se perde em meu turbilhão
que de um lado, caminha Ogum
e do outro, caminha Iansã
e no meio, cá minha cruz, vou eu
Eu nasci e não vou Pará
Eu saí me deixando lá
Fiz do olho, uma seta de alta mira
Jogo o jogo sem pio
hora palco, hora meio-fio,
hora rio ou derramo um rio de chorar
Samba, quimbanda, macumba,
batucada, tabaque, zabumba
Enluarada me visto,
me entrego de cantar.

Nenhum comentário: