31 de maio de 2010

Café, Arrependimento e Canto de Ossanha

Se arrependimento matasse, ele seria sua primeira vítima. Ele seria um tolo.
Acredito que ele tenha serventia. Acredito que o dito popular é uma grande teoria da conspiração contra o arrependimento.
...o homem que diz dou... não dá
Ele serve pra dizer que é hora de parar, que é hora de agir, hora de ir
...eu não sou ninguém de ir em conversa de esquecer a tristeza de um amor que passou...
Ele serve pra que você refaça, reconstrua, redirecione, ressorria, ressonhe, repense, remoce, respire.
...porque quando foi já não quis...
Ele serve pra você amadurec...o homem que diz sou, não é, porque quando é mesmo, é não sou.
Vai...vai...vai...
E eu vou mesmo porque sei que ....uma estrela aparecer, na manhã de um novo amor...
Se arrependimento matasse, não precisaria ter está importância toda. Que serventia teria? Que chance daria? Que tempo eu teria pra devolver um afago devido antes do último suspiro? Que morte agônica! Que passagem cara! Que destino ruim.
Se arrependimento matasse, acabaria com a minha sensação de que saí para uma viagem da qual voltaria assim que o cansaço chegasse. ..... Xangô me mandou lhe dizer... Morto de arrependimento provavelmente cairia eu, sem o apoio dos braços, de olhos abertos em uma calçada qualquer antes de conseguir dar a meia volta....Se é canto de Ossanha, não vá que muito vai se arrepender...
Não. Ele não poderia ser tão insensato assim. Tão incoerente e contraditório. Isso, o rebaixaria à condição de pecado capital. Ele não é isso.
É mais
...pergunte pro seu Orixá....o amor só é bom se...
Ele indica condição. Ele é chance, respiro, contra-ataque pela ponta...Coitado do homem que cai... com a torcida em pé... no canto de Ossanhã... cruzamento perfeito... cabeçada firme, olhos abertos, virada de jogo, abraços sorrindo... redenção.
...vai, vai vai...chorar....vai...vai...vai...sofrer... vai...vai...vai amar...

Se arrependimento matasse.... Não!
Ele é severo, sim. Como técnico de várzea colocando o estreante para jogar. Dá a chance mas cobra:
Vai, Cuca! Entra lá! Quero vê, quero vê, hein!


Vai vai...sofrer...vai vai....

Ele tem me dado bom dia ainda madrugada, já com o café feito e uma xícara para mim.

Eu só vou se for pra ver.... uma estrela amanhecer...

Arrependimento não mata.

Um comentário:

Tânia Viana disse...

Que bom que não mata!
Que bom que ensina!
Que bom que orienta, que bom que resgata, que bom que remoça, que bom que estamos todos vivos, arrependidos ou não, caminhando...